Make your own free website on Tripod.com

MATRINCHÃ

Este peixe apresenta o corpo alongado, ventre arredondado antes das nadadeiras ventrais, e comprido depois delas. A nadadeira dorsal acha-se situada no meio, entre a cauda e a ponta do focinho.

Sua cor é olivácea dourado. O seu dorso e as nadadeiras dorsal e peitoral são quase pretas.

Sendo um peixe extremamente esportivo, chega a medir 50 cm e pesar 5 kg. Oferece ao pescador amador grandes emoções, seja no seu habitat natural, em águas límpidas de correnteza rápida, principalmente na bacia Amazônica, ou também em alguns pesque-pague pelo Brasil afora. Na natureza a matrinchã é encontrada em meio a pedras e raízes submersas, pois esconde-se nesses lugares para atacar pequenos peixes, sua base de alimentação. Alimenta-se de frutas, minhocas e insetos.

Quando fisgada, luta muito e costuma saltar fora da água, procurando se livrar do anzol. Assim o bait casting é uma opção das melhores e que rende bons resultados. Pescar uma matrinchã no fly é algo indiscritível. Deve-se utilizar anzol 4 a 2/0; linha entre 15 a 20 lbs e material leve. Em relação à iscas artificiais as mais indicadas são: colheres, jigs, spinners e plugs de meia água.